Comunicado ao Mercado – Transferência voluntária e parcial de carteira relativa à carteira de clientes da Agemed


COMUNICADO AO MERCADO

A Hapvida Participações e Investimentos S.A. (B3:HAPV3) (“Hapvida” ou “Companhia”), em cumprimento às normas vigentes, comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que foi firmado, nesta data, protocolo de entendimentos para transferência voluntária e parcial de carteira relativa à carteira de clientes de planos médicos da Agemed Saúde S.A. (“Agemed”) por parte da subsidiária Hapvida Assistência Médica Ltda. A carteira parcial de clientes objeto desta transação corresponde a cerca de 15% da carteira total de clientes da Agemed.

A base de clientes objeto desta transação possui cerca de 12.000 vidas e está localizada na região de saúde de Joinville que compreende os municípios de Joinville, Araquari, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Campo Alegre, Garuva, Balneário de Piçarras, São Bento do Sul e São Francisco do Sul, todos no Estado de Santa Catarina, em linha com os recentes esforços de penetração e intensificação da presença do Hapvida na região.

Caso concluída, a transação adicionará um portfólio de vidas à nossa operação existente em Joinville, iniciada em abril deste ano, e que já conta com cerca de 23.000 vidas atualmente. O valor da transação, fixado inicialmente em cerca de R$19,0 milhões, reflete um múltiplo de 5,0x o valor de seu recebimento mensal. O valor final de aquisição poderá ser ajustado em decorrência de eventuais reduções no recebimento médio mensal da Carteira.

A conclusão da operação, como de praxe, está sujeita à negociação bem-sucedida dos respectivos instrumentos contratuais de aquisição, o que envolve também a condução de maneira satisfatória dos procedimentos de diligência legal e operacional ainda em curso, bem como à apreciação e aprovação pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

A Companhia esclarece que a transação não gera direito de retirada, na forma da legislação societária, uma vez que a aquisição é de parte da carteira de clientes (ativo), não da empresa em si, bem como é realizada por subsidiária operacional da Companhia (Hapvida Assistência Médica Ltda.), sociedade de capital fechado. Afirma, ainda, que a respectiva aprovação societária será realizada em sede de reunião do conselho de administração da Companhia, em linha com o art. 24º, alínea “q” de seu estatuto social.

Fortaleza, 18 de novembro de 2019

Bruno Cals de Oliveira
Diretor Superintendente Financeiro e de Relações com Investidores